• Quando chega o momento de vender uma casa ou um apartamento, uma das maiores dúvidas que surgem na cabeça dos proprietários é sobre o preço. Afinal, qual é o valor ideal que deve ser anunciado? A resposta para essa questão passa por entender melhor a avaliação de imóveis e sua relevância para a negociação do bem.

    É preciso ter em mente que o preço de um imóvel é influenciado por diversas características, tanto internas quanto externas. Isso quer dizer, por exemplo, que um apartamento impecável por dentro pode valer menos que o esperado dependendo da sua localização. Por outro lado, um imóvel que precisa de uma reforma pode ser vendido por um valor maior se o condomínio oferecer uma estrutura atrativa.

    Para tirar as suas dúvidas, preparamos este post sobre os principais aspectos considerados na avaliação de imóveis. Além disso, explicamos como você pode contar com ajuda profissional nessa fase importante da venda. Continue a leitura!

    O que é a avaliação de imóveis e por que fazê-la?

    A avaliação de um imóvel é o procedimento que define quanto o bem vale no mercado imobiliário. Esse cálculo pode ser feito verbalmente por qualquer corretor após comparar o imóvel com outros de características semelhantes na mesma região. Já para fornecer um parecer técnico é preciso ter o título de avaliador imobiliário concedido pelo Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci).

    Por ser a forma oficial de estabelecer o valor de um imóvel, a avaliação dá maior poder de negociação aos proprietários. Dessa forma, o preço pode ser discutido com os interessados na compra com base em uma avaliação profissional, não em cima de percepções das partes envolvidas.

    Além disso, a avaliação traz mais segurança patrimonial, pois pode ser usada em processos judiciais (como divórcio e heranças), e como comprovação de patrimônio para empréstimos e financiamentos.

    O que é avaliado nos imóveis?

    Há inúmeros fatores que podem ser levados em conta na hora da avaliação de um imóvel. Alguns deles, no entanto, têm peso maior para determinar o valor do bem. Veja quais são!

    Localização

    A localização de um imóvel é o aspecto que mais influencia o preço — afinal, o lugar onde se vive impacta até mesmo a qualidade de vida das pessoas. E cabe lembrar que o preço do metro quadrado pode variar bastante dentro de um mesmo bairro.

    É claro que a valorização maior ou menor depende muito do perfil dos interessados no imóvel, mas há características desejadas por quase todo mundo. É o caso de imóveis que sejam próximos a parques e praças bem conservados, que tenham acesso a vias rápidas e que disponham de uma boa oferta de transporte público, comércio e serviços no entorno.

    Metragem

    O tamanho do imóvel está diretamente ligado ao seu valor, o que significa geralmente que os mais amplos são melhor avaliados. Mas nem sempre maior é melhor: é importante considerar não apenas a área útil total, mas também a sua distribuição entre os cômodos. Afinal, poder aproveitar o espaço de maneira inteligente é um benefício que todo comprador deseja.

    Além da área, influenciam a avaliação do imóvel o número de quartos — ainda mais se algum deles for suíte —, se há varanda ou cobertura privativa e se a área da garagem pertence ao apartamento. Como são características muito procuradas, a tendência é que esses imóveis possam ser vendidos por valores mais altos.

    Infraestrutura

    Entre os aspectos externos ao apartamento, um dos mais expressivos é a infraestrutura do condomínio. Nessa categoria, entram elevadores, estacionamento, piscina, playground, salão de festas, academia, quadras esportivas, portaria, entre outras conveniências. Quanto mais opções para os moradores, maior é a valorização.

    Para ter uma ideia da relevância da infraestrutura, considere que a área de lazer é capaz de valorizar em até 20% o valor do imóvel. Já contar com uma ou mais vagas de estacionamento pode impactar em até 30%, dependendo da região da cidade.

    Acabamentos

    A qualidade do material usado na construção ou na reforma de um imóvel tem um forte impacto na avaliação. Isso porque ela influencia a durabilidade e a estética, itens que modificam a percepção de eventuais compradores. Aqui, são considerados o estado de portas e janelas, a idade da rede hidráulica e elétrica, a conservação de pisos e revestimentos, entre outros fatores.

    Outros pontos podem ser diferenciais na hora de estimar o preço de um imóvel. É o caso de já contar com espera para ar-condicionado, itens de automação e vidros duplos, por exemplo.

    Segurança

    Outro fator externo que influencia a avaliação é a segurança do bairro onde o imóvel está localizado. Principalmente nas grandes cidades, o preço pode sofrer influência negativa dos índices de criminalidade das redondezas.

    Nesses casos, estar em um condomínio com vigilância 24 horas torna-se um fator ainda mais relevante para a valorização, assim como a proximidade a conveniências que movimentem a região.

    Barulho

    Estar perto de grandes pontos de interesse na cidade costuma ser bastante valorizado por quem está procurando um imóvel, o que ajuda a puxar o preço para cima. No entanto, casas e apartamentos muito próximos de estádios, casas de shows e outros locais de grande aglomeração de pessoas podem ser afetados pela poluição sonora.

    Por isso, em um mesmo prédio, os apartamentos podem ter valor de mercado muito diferentes dependendo se são de frente ou de fundos, se estão em andares mais altos, se têm vidro duplo etc.

    Como descobrir quanto vale seu imóvel?

    Contratar um serviço profissional de avaliação do seu imóvel é a forma de descobrir quanto ele realmente vale — e essa informação é essencial para fechar um ótimo negócio. Isso porque o olhar técnico de um avaliador é capaz de notar características que talvez passassem despercebidas pelos proprietários ou pelos interessados na compra.

    Lembre-se de que a avaliação de imóveis é uma das fases mais importantes da compra e venda de uma casa ou de um apartamento. Quando ela é bem executada, as partes ficam mais tranquilas quanto à segurança da transação e o acerto fica muito mais fácil.

    Quer saber mais sobre o que levar em conta ao escolher o seu novo lar? Confira o post em que explicamos como decidir qual o melhor andar para comprar um apartamento!

    Banner-blog-gerencial

    Quanto esse conteúdo te ajudou?

    Clique em uma estrela para avaliá-lo!

    Classificação média / 5. Contagem de votos:

    Nenhuma avaliação até agora! Seja o primeiro a avaliar este conteúdo.

    Deixe seus dados e logo um corretor entrará em contato

    Deseja receber novidades da Gerencial?

    Deixe seus dados e logo um corretor entrará em contato

    Deseja receber novidades da Gerencial?

    Atendimento por WhatsAppLigue agora: (65) 3615-2525Atendimento por EmailAtendimento Online